notícias

Notícias
05/07/2017

FESB lança programa de incentivo a Educação e concede bolsa de estudo a estudantes de municípios parceiros

Dados da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), de 2016, apontam que apenas 14% dos adultos brasileiros chegaram ao ensino superior. O percentual é considerado baixo se comparado à média dos países que é de 35%. O índice brasileiro também é menor em relação a outros países latino-americanos como o Chile (21%), Colômbia (22%) e Costa Rica (23%). O estudo compara dados de mais de 40 países, incluindo o Brasil. E segundo os analistas, os baixos índices de acesso à universidade refletem nos salários. De acordo com eles, trabalhadores com nível superior no Brasil ganham mais do que o dobro do que aqueles com ensino médio completo. O valor também tende a ser quatro vezes maior para quem tem mestrado ou doutorado em comparação a quem tem apenas o ensino médio, segundo o relatório.

Com base nas informações e com o objetivo facilitar o ingresso a educação em nível superior e também na qualificação técnica, a Fundação de Ensino Superior (FESB) lança programa de incentivo a Educação. O projeto é desenvolvido em parceria com as prefeituras da região bragantina e consiste na concessão de bolsas de estudos em forma de descontos financeiro. O benefício é extensivo a todos os cidadãos dos municípios conveniados. O desconto previsto é sobre matrícula, rematrícula e mensalidades para os cursos de graduação, profissionalizantes e pós-graduação.

“Como partes ativas da sociedade é nosso dever colaborar para o desenvolvimento e melhoria da comunidade em que estamos inseridos”, ressaltou o presidente da FESB Adilson Octaviano. Segundo ele, a ideia surgiu da observação da FESB que muitos de seus estudantes, vindos de outros municípios, abandonavam a faculdade, por não conseguirem, além das mensalidades, arcarem com despesas de transporte e alimentação. “O que, sem dúvida, é dispendioso. Por isso o desconto tem como motivação principal, subsidiar parte destas despesas”, explicou.

Na quarta-feira (5), a FESB assinou seus primeiros convênios. Os munícipios parceiros são: Bom Jesus dos Perdões e Vargem. “Mais uma oportunidade para a população. Um ganho para comunidade, que poderá ter acesso a uma faculdade de renome. Sem esquecer que o estreitamento das relações com a FESB, abre portas para novas parcerias”, ressaltou Sergio Ferreira, prefeito de Bom Jesus dos Perdões (PSDB). O prefeito de Vargem Silas Marques (PSD) também destacou a importância da parceria e acentuou que o convênio é um incentivo a qualificação da mão de obra e melhora da qualidade de vida da população.

Do ato também participaram Claudemir Baffi Parrão (diretor administrativo da FESB), Arlindo Caruso (secretário de Finanças de Bom Jesus dos Perdões) e Francisco Fhunck (diretor do departamento de Planejamento e Gestão de Vargem).

 FESB

Desde 1967 educando e formando cidadãos, a FESB ao longo de seus 50 anos, já proporcionou a diferença na vida de mais de 35 mil pessoas, que hoje exercem suas profissões e fazem a diferença ao movimentar a economia e contribuir com o desenvolvimento e crescimento do país. Os cursos oferecidos são de Graduação: Engenharia Agronômica, Medicina Veterinária, Nutrição, Educação Física (licenciatura e bacharelado), Serviço Social, Ciências Biológicas, Letras, Pedagogia e História. Pós Graduação: Clínica Médica de Cães e Gatos, Fisiologia do Exercício e Avaliação Física e Nutrição Clínica. Técnico (INTEP): Automação Industrial, Edificações, Design de Interiores, Eletroeletrônica e Sistema de Energias Renováveis. Mais informações, acesse www.fesb.br

 

 

 

Galeria de imagens